Na Veja, Barretto defende decisão do TCU sobre licitação bilionária do ME

O colunista da Veja Matheus Leitão publicou a opinião do sócio-fundador do Barretto & Rost Advogados, Ricardo Barretto, sobre a decisão do TCU que suspendeu uma licitação de quase R$ 2 bilhões realizada pelo Ministério da Economia para a contratação de empresa terceirizada.

“A decisão é necessária porque ainda é preciso esclarecer o modelo de contratação adotado pelo Ministério da Economia, que inseriu diversos objetos distintos no âmbito de um mesmo pregão”, disse Barretto.

Ricardo Barretto destacou ainda que a deliberação “permitirá ao Tribunal de Contas apurar a economicidade e a eficiência da licitação, tendo em vista, sobretudo, a dimensão bilionária da contratação pretendida”.

Confira a coluna completa aqui.