Causa defendida pelo B&R é destaque no site do STJ

A decisão do Superior Tribunal de Justiça (STJ) em favor de uma causa defendida pelos advogados Ricardo Barretto de Andrade e Gabriel Campos, do B&R, foi destaque no site da Corte.

Na terça-feira (01/06), a 2ª Turma do STJ, por unanimidade de votos, decidiu que não pode ser eliminado de concurso público o candidato que declare, por iniciativa espontânea, ter feito uso de substância entorpecente em passado distante.

Os ministros do colegiado analisaram o caso de um candidato à Polícia Militar do Distrito Federal que admitiu ter utilizado drogas no início de sua juventude, mais de sete anos antes do concurso. O relator do caso foi o ministro Og Fernandes.